Campanha busca microdoações para instituto de terapia com animais

Uma campanha intitulada Centavos Realizam Sonhos está arrecadando recursos para ajudar o Ibetaa (Instituto Brasileiro de Educação e Terapia Assistida por Animais), que atua na reabilitação de crianças com deficiência ou problema emocional.

Os recursos vêm de microdoações feitas a partir do arredondamento de centavos nas transações financeiras efetuadas por meio de cartões de crédito das pessoas cadastradas na plataforma da InCentive integrada aos sites ibetaa.org.br ou ibetaa.centavosrealizam.com.

A ação tem apoio do antiparasitário Frontline, da Boehringer Ingelheim Saúde Animal, e da Royal Canin.

Segundo os apoiadores, as empresas de cartões de crédito garantem a segurança dos dados. A cada compra que o doador fizer, os centavos serão arredondados para cima, gerando doações entre R$ 0,01 a R$ 0,99 —o sistema não interfere no valor da compra, e os arredondamentos podem ser acompanhados no site. Os valores ficam acumulados e, ao final de cada mês, o total é revertido ao Ibetaa.

“O trabalho que o Ibetaa realiza é muito inspirador, pois, faz uma grande diferença na vida de crianças e de adolescentes que precisam passar por algum tratamento”, diz Bruno Gallerani, gerente de marketing da área de pets da farmacêutica, ao lembrar que a terapia com animais é eficaz e fortalece a interação e o bem-estar entre humanos e pets.

O Ibetaa é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, sem fins lucrativos. Por meio dos pets, o instituto realiza terapias que ajudam na reabilitação de crianças com deficiência físico-motora e cognitiva, além de viabilizar o atendimento psicológico de crianças que sofreram maus-tratos, violência psicológica e até abuso sexual.

“Terapia assistida por animais tem tido sucesso no tratamento de diversas patologias seja na área da educação ou da saúde. Evidenciamos o nosso cuidado com o bem-estar dos animais de estimação que são constantemente monitorados”, afirma Carlos Pires, do Ibetaa.

*

Siga o Bom Pra Cachorro no Facebook, no Instagram ou no Twitter.

Quer ver a história do seu pet publicada ou quer sugerir reportagem? Mande para bompracachorroblog@gmail.com  ou marque no Instagram

//platform.twitter.com/widgets.jshttps://platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Deixe uma resposta

error: O conteúdo está protegido !!