Major, cachorro de Biden, volta a morder funcionário na Casa Branca

Major, um dos cães de Joe Biden, voltou a morder um funcionário na Casa Branca. O outro episódio ocorreu há cerca de um mês.

Desta vez, o incidente envolveu um funcionário do Serviço Nacional de Parques. Segundo a CNN americana, ele recebeu atendimento médico no local.

Fotos de Major e de Champ aproveitando o gramado da Casa Branca ao lado de funcionários foram divulgadas nesta quarta (31) por agências de notícias.

No começo do mês, os dois cachorros do presidente americano foram levados para a residência da família em Delaware depois que Major teve um comportamento agressivo na Casa Branca.

Na ocasião, Biden defendeu o peludo. Disse que Major ainda está se adaptando ao local, onde há muitas pessoas e seguranças, e que passa por treinamento. “Mas ele é um cachorro doce”, afirmou em entrevista à rede de televisão ABC.

Major e Champ voltaram para a residência oficial em meados de março. Segundo a secretaria de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, viagens dos cães para Delaware deverão ser rotina. 

Major, 3, foi adotado pela família Biden em novembro de 2018 e celebrado por ser o primeiro cão de abrigo a viver na Casa Branca. Já Champ, também da raça pastor alemão, tem aproximadamente 13 anos.

*

Siga o Bom Pra Cachorro no Facebook, no Instagram ou no Twitter.

Quer ver a história do seu pet publicada ou quer sugerir reportagem? Mande para bompracachorroblog@gmail.com  ou marque no Instagram

//platform.twitter.com/widgets.jshttps://platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Deixe uma resposta

error: O conteúdo está protegido !!