App encontra passeador de pets; veja como ganhar passeios grátis |

Mais que um momento para você e o seu cão, o passeio é importante para a saúde do animal em vários aspectos, que vão de pontos comportamentais a físicos. Em cidades cada vez mais verticalizadas, onde pets costumam morar em prédios e possuem pouco espaço e tempo disponível do dono para caminhar com a frequência e a atenção que o melhor amigo merece, o serviço de passeadores de cães (dogwalkers) pode ser uma alternativa interessante.

Segundo o médico-veterinário Daniel Diola, do Hospital Veterinário Santa Inês, os passeios são excelentes para evitar e até combater alguns problemas, como a obesidade, por exemplo. “Além disso, fortalecem a musculatura e auxiliam a melhorar a circulação sanguínea e a função respiratória do animal.”

Do ponto de vista psíquico, as caminhadas ajudam a aliviar o estresse, principalmente para os cães que são criados em ambientes restritos. “Fora que eles adoram toda a experiência sensorial (principalmente de odores) que entram em contato durante os passeios. Ou seja, aumentam o nível de felicidade”, ressalta o veterinário.

Como escolher um bom passeador

Apesar dos benefícios, a dúvida sempre fica por conta de como contratar o serviço de um passeador de cães honesto e que realmente gosta do que faz. A indicação facilita muito, pois a reportagem já colheu depoimentos de porteiros que presenciaram cenas absurdas, como dogwalkers que caminham com o cão quase enforcando o animal, fugas ou passeadores ficando parado e conversando com outros colegas enquanto passa o tempo do passeio.

A tecnologia e o conceito de economia compartilhada têm sido alternativas para conseguir acabar com isso e conciliar a vida corrida com o bem-estar do pet.

O aplicativo DogHero, que conecta tutores de cachorro a anfitriões que hospedam os pets em casa, expandiu o seu portfólio de serviços e oferece passeios no Rio de Janeiro e em São Paulo monitorados e com suporte, devendo expandir a atividade para outras cidades em breve.

O conceito é bem simples. Pelo aplicativo é possível agendar um passeio ou pedi-lo imediatamente: mesmo método dos aplicativos de transporte. O cliente é avisado pelo aplicativo quando o passeio começa e pode acompanhar o trajeto em tempo real. Além disso, a atenção é exclusiva: o passeador caminha com um cachorro por vez (ou com dois, se forem da mesma família).

Para usar, o cliente faz o download do aplicativo, coloca o endereço e as informações sobre o cachorro (como porte, raça e idade), explica como é o comportamento dele e escolhe quando quer agendar a caminhada. A partir disso, a DogHero indica o passeador com o perfil mais adequado para atender aquela família.

Fernando Gadotti e Eduardo Baer, fundadores da DogHero

“Se você tem um cachorro de 46 kg, não vamos colocar um passeador de um 1.48 de altura para levar o pet. A missão da DogHero é tornar a maternidade canina mais fácil e segura. Nossos clientes não são donos de cachorros que tem o animal para cuidar do quintal. São aqueles que sentam no sofá com o seu cachorro ao lado e assistem um filme ou série no Netflix”, explica Felipe Macario, Gerente de operações da DogHero.

Os passeios, de 30 minutos ou 1 hora, custam a partir de R$ 25 — quem compra um pacote de créditos tem desconto de 20% — e o pagamento é feito pelo aplicativo. Caso o cachorro se sentir mal durante o passeio, o passeador socorre o animal e a empresa reembolsa eventuais gastos com o médico-veterinário, exames e medicamentos, no valor de até R$ 5 mil.

GPS do passeio

Outro ponto importante é que dá para acompanhar o passeio do seu melhor amigo como se você estivesse ao lado dele, graças à tecnologia de GPS e aos relatórios emitidos pelo aplicativo no trajeto percorrido. O tutor sabe quantos metros o seu pet andou, paradas para beber água e recebe informações até da hora do xixi. Além dos relatórios e das fotos dos momentos dos passeios, ao final, o cão é entregue com as patinhas limpas.

Quanto aos cuidados antes de iniciar o serviço, é importante manter a carteirinha de vacinação sempre completa, proteger o cão contra pulgas e carrapatos. Uma tarefa do tutor.

Ser um passeador

Para aqueles que amam animais e desejam complementar a renda de forma saudável, ser um dogwalker pode ser uma alternativa. Qualquer pessoa com mais de 18 anos, que mora no Rio de Janeiro ou em São Paulo, pode se candidatar a passeador. A DogHero faz a seleção para essa atividade, mas para isso é necessário passar por um rigoroso processo seletivo.

O primeiro passo é fazer um cadastro no site da empresa, fornecendo dados pessoais e sobre a sua experiência com animais – aí não necessariamente precisa já ter trabalhado na área veterinária, apesar de ser um diferencial –, além de enviar alguns documentos, dados de redes sociais, entre outras informações.

A empresa ainda aplica treinamento técnico e de cuidados durante o passeio, desenvolvido pelo Alexandre Rossi, especialista em comportamento animal e conhecido como o Dr. Pet. Na fase final, o interessado realiza testes escrito e prático. “Aproximadamente 10% dos candidatos apenas são aprovados. Ser pai de cachorro é uma delícia, mas dá trabalho”, conclui Macario.

Os ganhos pelo trabalho são sobre os passeios individualmente. Um serviço de R$ 25 (30 min.) a R$ 35 (60 min.), o passeador ganha R$ 15 a R$ 21, 2. Já para os passeios de R$ 40 (30 min.) a R$ 55 (60 min.), o dogwalker recebe de R$ 24 a R$ 33, 3. Se o valor for de R$ 50 (30 min.) a R$ 75 (60 min.), o recebimento é de R$ 33 a R$ 45. Lembrando que o passeador não pode levar mais de um cão, a não ser que seja da mesma família.

Use o serviço de um passeio grátis

O Portal Animal e a DogHero oferecem a oportunidade de fazer o seu cão mais feliz. Até dia 31 de outubro de 2018, você pode utilizar o voucher de desconto de até R$ 75, apenas uma vez e para aqueles que ainda não são clientes do serviço de passeios.

Siga o passo a passo para a utilização do voucher:

1- Baixar o aplicativo que está disponível para iOS e Android, ou utilizar a plataforma pela web;

2- Ao entrar na plataforma, fazer o cadastro do seu pet com todas as informações;

3- Selecionar “Passeios”, no menu inicial;

4- Escolher o tempo de passeio, quando você quer e se será recorrente ou avulso;

5- Após escolher as informações acima, você será redirecionado para o pagamento. Lá você conseguirá adicionar no tópico “Meus Créditos” o seu voucher PORTALANIMAL.

window.isFBLoaded = false;
window.onFBFunctions = [];
window.onFB = function(func){
if (isFBLoaded) func();
else onFBFunctions.push(func);
};
window.fbAsyncInit = function(){
FB.init({
xfbml: true,
version: ‘v2.0’,
});
window.isFBLoaded = true;
for (var i = 0; i < onFBFunctions.length; i++) onFBFunctions[i]();
};
(function(d, s, id){
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) {return;}
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = "http://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js";
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, 'script', 'facebook-jssdk'));

Deixe uma resposta

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies
error: O conteúdo está protegido !!