Homem é detido após cachorro morrer afogado em Copacabana

Um homem suspeito de provocar a morte do cachorro por afogamento foi detido, na noite de quinta-feira (18), na praia de Copacabana, no Rio.

Segundo a Guarda Municipal, testemunhas acusaram o homem de estar embriagado e ter forçado a entrada do buldogue francês na água, na altura do posto 6.

Os agentes, que faziam o patrulhamento na orla, chegaram ao local após perceber  uma confusão na areia. Afirmam ter encontrado o animal morto e um grupo de banhistas tentando agredir o homem.

Ele recebeu voz de prisão e foi levado para a 12ª DP (Copacabana) com a mulher e duas testemunhas. Segundo a Guarda, a ocorrência foi registrada como maus-tratos a animais.

Maltratar animais é crime. A chamada Lei Sansão, em vigor desde o ano passado, endurece a punição e cria item específico para agressores de cães e gatos. A pena prevista em caso de condenação, antes de três meses a um ano de detenção, passa a ser de dois a cinco anos de prisão. A lei prevê ainda multa e perda da guarda do animal.

 

(Foto: Divulgação/ Guarda Municipal)

*

Siga o Bom Pra Cachorro no Facebook, no Instagram ou no Twitter.

Quer ver a história do seu pet publicada ou quer sugerir reportagem? Mande para bompracachorroblog@gmail.com  ou marque no Instagram

//platform.twitter.com/widgets.jshttps://platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Deixe uma resposta

error: O conteúdo está protegido !!