Saiba identificar sinais de dor no pet

Eles não falam, mas dão sinais de que estão com dor ou algum desconforto. Por isso, ficar atento à rotina dos pets é fundamental para saber se algo não está bem.

A dor possui um componente emocional que vai afetar o comportamento do animal, diz o médico-veterinário Alexandre Merlo, gerente técnico de animais de companhia da farmacêutica Zoetis.

Ou seja, com dor, cães e gatos vão agir de forma diferente, como não fazer festa para o tutor, não subir no sofá, não querer passear na rua.

“É importante frisar que a questão da idade pode ser levada em consideração, mas não deve ser usada como justificativa para uma aparente apatia do animal, por exemplo. Por isso o tutor deve estar sempre alerta”, diz Merlo.

Veja alguns sinais que podem indicar dor no pet:

– O animal fica quieto e triste durante muito tempo;

– Não sobe mais no sofá;

–  Fica empacado durante o passeio na rua;

–  Muda comportamentos rotineiros: não faz festa ou evita subir no colo do tutor;

– Tem receio de pular ao entrar ou sair do carro e dificuldade para subir e descer escadas.

A recomendação é procurar ajuda de veterinário diante de comportamentos  fora do normal.

(Imagem: Adobe Stock)

*

Siga o Bom Pra Cachorro no Facebook, no Instagram ou no Twitter.

Quer ver a história do seu pet publicada ou quer sugerir reportagem? Mande para bompracachorroblog@gmail.com  ou marque no Instagram

//platform.twitter.com/widgets.jshttps://platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Muito Obrigato Por Votar

Deixe uma resposta

error: O conteúdo está protegido !!